A Bebeteca ao sábdo: Ler antes de ser

Apresentação do livro A materninha vai ser mãe & Uma história de amor, de Vera Freitas, Cláudia Pinheiro e Daniela Sousa Pinto

Ler antes de ser

Biblioteca, espaço de todas as leituras…Bebés e pais são convidados a participar numa aventura pelo mundo das palavras.
Através de histórias, música, lengalengas, as leituras são transformadas em momentos de afetos e conhecimentos.
Também serão dinamizados workshops para futuras mamãs e papás.


Vera Freitas

É psicóloga e recém mãe. Nasceu e vive em Aveiro. Estudou Psicologia na Universidade de Coimbra. Apaixonada pela área da gravidez e maternidade, continua o seu estudo e investigação e desenvolve projetos junto de várias faixas etárias neste âmbito. Apoia uma vivência da parentalidade consciente e positiva.

 

Cláudia Pinheiro
É terapeuta psico-corporal de mãe-bebés segundo Paula Diederichs desde 2008, terapeuta de Massagem Biodinâmica desde 2005, criou o projeto maternura que gere desde 2011. Licenciada em Arquitetura e mãe de três meninas, nasceu em 1965, vive em Aveiro.

Daniela Sousa Pinto
É natural da cidade de Aveiro é licenciada em comunicação. Tem 44 anos, é casada e é no papel de mãe e no meio das palavras que encontra um espaço para sonhar e inventar histórias. É autora de obras individuais e participou até à data em diversas obras coletivas.

 

A materninha vai ser mãe & Uma história de amor
Livro interativo, escrito para ajudar crianças de todas as idades a ver o nascimento de um novo bebé pela lente da poesia, da simplicidade e da humanidade que faz fluir o amor e une os corações.
Apaixonadas pela valorização do papel da mulher enquanto mãe, do homem enquanto pai e do próprio evento familiar e social que é o nascimento de uma criança, as duas autoras do projeto "A Materninha vai ser mãe", Vera Freitas e Cláudia Pinheiro, lançaram-se no desafio de dar corpo a uma ideia: levar às escolas a Materninha, uma boneca de trapos que, com o seu companheiro, mostram às crianças o que é ser mãe, ser pai e dar à luz um bebé.
A ideia foi imediatamente recebida e apoiada de braços abertos por duas associações, a Convivência, que luta diariamente pela inclusão em todas as suas faces e vertentes e a Maternura, que tem por objeto exatamente o suporte à infância e maternidade.
Trazendo à superfície os sentimentos que evoca a parentalidade, aquela que confia na mulher enquanto mãe, honra a maternidade e se alegra com o milagre que é o nascimento de um novo ser humano, as autoras quiseram sensibilizar a comunidade, começando pelos mais pequeninos, para uma atitude respeitosa dos momentos de gravidez, parto e pós-parto. Este livro nasce do entusiasmo demonstrado por todos os intervenientes, crianças, educadores e pais. Surge então a necessidade de convidar a terceira autora desta obra, Daniela Sousa Pinto, para traduzir por palavras emoções mais profundamente humanas que só a poesia sabe dizer. Com o intuito de chegar tanto às crianças mais velhas como às mais novinhas, que ainda não sabem ler, a Daniela escreve dois contos com o título "Uma história de Amor" onde regista a história da Materninha e do João.
A obra que se apresenta é um manual para ir descobrindo, que visa a réplica das experiências vividas pelas autoras nos jardins de infância, em casa no seio das famílias ou pelos educadores. Apresenta-se ao mesmo tempo na forma a literária, que relata a história dos dois bonecos, numa outra forma que narra a experiência do projeto da Materninha nos jardins-de-infância e escolas de Aveiro, e em trechos interativos que permitem a cada leitor ou pré-leitor descobrir em si a sua própria vivência destas temáticas.

 

Duração: 40 min.
Destinado a famílias
Inscrição obrigatória

 



Data
2018-02-24 10:30
Local
Antigo Convento de São Domingos ou Biblioteca Municipal António Botto
Abrantes, Portugal
 
 

Powered by iCagenda

Neste sítio são utilizados cookies de forma a melhorar o desenpenho e a experiência do utilizador. Ao navegar no nosso sítio estará a concordar com a sua utilização. Para saber mais sobre cookies, consulte a nossa politica de privacidade.